Gabriel Silva

Membros da Família Dominicana

In Documentos on 03/01/2006 at 13:14
IRMÃOS PREGADORES

Os irmãos pregadores, mais conhecidos por irmãos dominicanos, estão hoje dispersos por mais de cem países e são cerca de 6000 em todo o mundo.

À imitação de S. Domingos e procurando ser fiéis à sua intuição fundamental, dedicam-se essencialmente à pregação, sob muitas e variadas formas, orais e escritas. Vivem em comunidades cujo ritmo de vida é fundamentalmente cadenciado pela celebração da liturgia – Eucaristia e Ofício Divino – e pela dedicação assídua ao estudo, comprometendo-se a viver em todas as circunstâncias os conselhos evangélicos de castidade, pobreza e obediência. O seu nascimento oficial, como corpo organizado, data de 22 de Dezembro de 1216. Porém, como realidade viva, os irmãos pregadores começaram já a existir desde que S. Domingos, em 1215, começou a reunir ã sua volta alguns discípulos.

MONJAS

Dedicadas totalmente á oração e ao louvor, alimentadas pela Palavra de Deus na celebração, no estudo e no silêncio da Lectio Divina, toda a sua vida é modelada pela busca de Deus.

Fazendo parte integrante da Ordem dos Pregadores, as Monjas comungam em todos os seus trabalhos e projectos pela presença viva das suas Comunidades no seio da Família Dominicana, como lugares de acolhimento e apoio na missão comum.

Em Portugal há três Mosteiros autónornos de Monjas Dominicanas Contemplativas, em Lamego, Lisboa e Fátima.

LAICADO DOMINICANO

Os leigos, são chamados a tornarem viva a presença de Cristo no meio dos povos, para que o aníuncio divino da salvação seja conhecido e recebido por todos os homens do mundo inteiro.

Alguns destes leigos são movidos pelo Espírito Santo a realizarem uma vida segundo o espírito de S. Domingos e reúnem-se em comunidades laicais (fraternidades, equipas, etc.) constituindo, com os outros grupos dos vários ramos uma só Família Dominicana.

Participam na missão apostólica da Ordem dos Pregadores pelo estudo, pela oração e pela pregação, segundo a sua própria condição de leigos, fortalecidos pela comunhão fraterna.

Sobretudo atendem diligentemente as necessidades do mundo contemporâneo, defendem a liberdade promovem a justiça e a paz.

Em Portugal existem as Fraternidades Leigas de S. Domingos e a Equipa de Santa Maria do Lumiar cada qual com a sua autonomia e estatutos próprios.

IRMÃS DOMINICANAS DE VIDA ACTIVA

De proveniência e fundação diferentes, existem cm Portugal quatro Congregações Dominicanas de vida apostólica:

Irmãs Dominicanas Irlandesas

• Irmãs Dominicanas de Santa Catarina de Sena

• Missionárias Dominicanas do Rosário

• Irmãs Missionárias Dominicanas de São Domingos

Com um objectivo comum: incarnar o Evangelho da misericórdia. O fermento evangélico está verdadeiramente actuante nestas Congregações, que, sensíveis aos apelos da humanidade, Ihes respondem pelas obras de misericórdia: no ensino, na saúde, na promoção, com uma opção preferencial pelos mais pobres. A sua acção apostólica, quer no campo das missões, quer em actividades caritativas, enraíza-se fortemente na oração, no estudo e na vida fraterna. A exemplo de S. Domingos, que passava as noites a orar e tinha uma graça especial para os pobres, os pecadores e os aflitos, as dominicanas entregam-se ao Absoluto de Deus.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: